PPSA contrata plataforma digital de gestão de dados da partilha de produção

Pelo sistema, empresas poderão colocar diretamente seus dados de produção para acompanhamento da estatal

A Pré-Sal Petróleo contratou o Sistema de Gestão de Gastos de Partilha de Produção (SGPP), uma plataforma digital que será responsável por gerir os dados de todos os projetos sob o regime de partilha no pré-sal. O sistema, orçado em R$ 14,6 milhões, será desenvolvido e implementado pela empresa Stefanini-Scala, vencedora do processo promovido pela PPSA. O contrato foi assinado nesta segunda-feira (11/6). A expectativa é que o projeto esteja operando no segundo semestre de 2019.

Tarefas rotineiras, como processo de reconhecimento de custos de projetos, verificação de estoque de petróleo e gás, acompanhamento de operações e da produção de cada consórcio serão digitalizadas. As empresas operadoras ficarão responsáveis por fazer mensalmente o carregamento de dados no sistema. A Pré-Sal Petróleo terá um painel de controle por meio do qual supervisionará o desempenho de cada consórcio, além de calcular os volumes de produção que cabem à União.

Atualmente, a PPSA é gestora de dez contratos de partilha e representa a União em 23 acordos de individualização da produção.

você pode gostar também